CONSULTA ONLINE

O Portal Saúde coloca à sua disposição um serviço gratuito de esclarecimento do que é a saúde mental e como a pode melhorar.

  » novo registo
» recuperar password
HOME SOBRE NÓS CONTACTOS ADICIONAR REGISTO
Sábado, 19 de Agosto de 2017 | 45 visitantes online
 
  • Pesquisa
  • Pesquisa Avançada
Palavra, frase, empresa  
Actividade *
Localidade *
 

Boletins Clínicos

Tripanossomíase

Afecção causada pelo tripanossoma, protozoário muito móvel, do qual existem várias espécies, transmitido ao Homem pelos animais através de um vector obrigatório (insectos). A tripanossomíase mais conhecida é a doença-do-sono, tripanossomíase africana, endémica na África Ocidental.

Podem surgir casos em regiões longe de África, pois a doença pode permanecer latente até 6/7 anos. O germe patogénico (Trypanossoma hominis, Trypanossoma gambiense, Trypanossoma neveseni ou Trypanossoma castellani) é sugado pela Glossina palpalis, também chamada mosca tsé-tsé, que o transmite ao Homem.

No primeiro período, o parasita vive no sangue do Homem, em regra sem dar origem a manifestações importantes, provocando todavia ocasionalmente febre irregular; depois, desaparece do sangue, alojando-se em diversos órgãos, particularmente no baço.

Só quando invade o sistema nervoso, provocando uma meningoencefalite difusa, começam a manifestar-se os sintomas característicos da doença-do-sono: começa o segundo período, com cefaleias violentas, alterações psíquicas, alternando-se a depressão com a excitação maníaca: disartria, marcha atáxica, trémulo. Depois aparecem paralisias e atrofias musculares, contracturas, às vezes convulsões e estado comatoso. Esta evolução clínica enxerta-se numa grande fadiga, apatia e inércia, que leva o doente a dormir 20 em 24 horas, com sono tranquilo ou mais frequentemente agitado, durante o qual grita, faz movimentos desordenados, apresenta convulsões epileptiformes.

No último período há uma grande emaciação, espasmo da deglutição, complicações viscerais, rigidez da nuca. A morte pode surgir devido ao esgotamento ou durante um acesso convulsivo ou coma, após 3/9 meses do início, se não se instituir terapêutica eficaz.

Outra forma desta doença é a tripanossomíase americana, ou doença de Chagas, observada no Brasil e caracterizada por anemia e manifestações mixedematosas. Atinge os lactentes de modo agudo e os adultos de modo crónico. É provocada pelo Trypanossoma cruzi, transmitido por insectos (Triatoma megista).

A terapêutica dispõe hoje de fármacos tripanossomicidas. A profilaxia de todas as formas de tripanossomíase consiste em medidas higiénicas, como a desinfestação, para eliminar os vectores do tripanossoma.

Voltar

Anúncios Portal Saúde

O Portal Saúde coloca à sua disposição um serviço totalmente gratuito de anúncios. Aqui poderá colocar anúncios de oferta e procura de emprego ou outros, desde que relacionados com a área da saúde. Terá apenas de efectuar o registo aqui. Caso já seja um utilizador registado, por favor introduza o seu nome de utilizador e palavra passe.